Araras resgatadas pela PRF chegam a santuário em Ipatinga (MG)

Animais estão recebendo tratamento de equipe especializada

As araras que foram resgatadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na última terça-feira (17/12) em João Monlevade ganharam um novo lar. Agora, depois de serem salvas do tráfico de animais pela PRF, as aves foram levadas para o Centro de Biodiversidade da Usipa (Cebus), em Ipatinga.

A situação das 20 aves silvestres da espécie Canindé comoveu os policiais. Elas estavam escondidas dentro de caixas e gaiolas no porta-malas de um Fiat Siena. Alguns animais estavam com ferimentos pelo corpo e com penas arrancadas. Um veterinário foi chamado para tratá-los, pois estavam com fome e sede. Os policiais auxiliaram no trabalho, alimentando as araras.

Ao chegarem ao Cebus, as aves foram encaminhadas para receberem tratamento da equipe especializada. De acordo com a bióloga do Cebus, Cláudia Diniz, os animais chegaram desidratados e debilitados. “Agora, as aves encontram-se em recuperação. Parte das jovens-adultas come sozinha e já inicia o processo de voo. Os demais, ainda não aprenderam a se alimentar sozinhos e devem ficar mais tempo no Cebus, detalha.

Assim que estiverem emplumados, voando e se alimentando sozinhos, os animais serão disponibilizados para o órgão ambiental competente.

 

(Com informações da Assessoria de Comunicação da Usipa)