Mulher é presa por porte ilegal de arma em veículo cujo condutor era procurado pela polícia

Na manhã deste sábado (25), no posto da PRF do Parque Ecológico, na BR-060 em Goiânia, um homem de 48 anos e uma mulher (42 anos) foram presos após uma abordagem rotineira.

No momento da fiscalização os policiais solicitaram os documentos dos ocupantes de um veículo de passeio. Havia cinco pessoas ao todo, o condutor e outras 04 pessoas. Aos agentes eles disseram fazer a viagem entre Goiânia a Anápolis, tendo combinado o seu transporte em troca de pagamento em dinheiro, fato confirmado pelo motorista que disse executar esse itinerário com frequência.

Enquanto parte da equipe fiscalizava a documentação, constatou-se que contra o motorista havia um mandado de prisão em aberto por furto.
Os demais policiais, revistando os pertences dos passageiros, notaram que a passageira da frente estava bastante nervosa ao entregar sua mochila para a revista. Ao abrir a bolsa os agentes encontraram um revólver Taurus, calibre .38, e verificando o sistema não encontraram o registro e nem a mulher tinha porte de arma.

Aos policiais a mulher disse que a arma pertencia a seu marido, que morava em Aparecida de Goiânia-GO, e estaria indo à Anápolis para desfazer da arma, pois estava com receio de seu esposo usá-la, desde que soube que ele estaria ameaçando pessoas.
A arma seria entregue a parentes, que iriam então vendê-la.

Tanto o motorista, quanto a passageira foram encaminhados à Autoridade Policial para a devida lavratura da ocorrência, bem como os procedimentos judiciários que o caso requer.
Os demais passageiros foram liberados após nada constarem em seu desfavor.

Secom.GO

Superintendência Regional da PRF no Estado de Goiás, estabelecida desde 1959. Hoje conta com 7 delegacias, 13 postos de fiscalização em mais de 3.000 km de malha viária no estado.