PRF apreende cerca de R$ 1 milhão em medicamentos no Paraná

Apreensão aconteceu em Cascavel (PR); medicamentos como abortivos e redutores de gordura, proibidos pela Anvisa, seriam entregues em Curitiba (PR)

 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, na madrugada desta quarta (30), cerca de R$ 1 milhão em medicamentos importados irregularmente, em Cascavel.

Por volta da meia-noite, agentes da PRF deram ordem de parada a um motorista que conduzia um caminhão na BR-277. Na fiscalização, os policiais encontraram, no compartimento de cargas, 27 caixas sem documentação fiscal, o que chamou a atenção das equipes.

Em vistoria, os policiais verificaram que, das 27 caixas, 20 continham medicamentos importados irregularmente e as outras 10, estavam carregadas com óculos. Entre os medicamentos estavam abortivos, anabolizantes, hormônios para crescimento, tratamentos para digestão e redutores de gordura, proibidos pela Anvisa, desde 2011.

Segundo o motorista, ele retirou as mercadorias em Terra Roxa (PR), por meio de uma plataforma “online” de fretes. Ainda segundo o motorista, a nota fiscal, de supostas torneiras, seria enviada por meio de um aplicativo de mensagens instantâneas, para impressão posterior. A carga seria entregue em Curitiba.

Diante dos fatos, o motorista foi detido e encaminhado para a Polícia Federal, para o registro dos crimes de falsificação, corrupção, adulteração ou alteração de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais, pelo transporte dos medicamentos e descaminho, em razão dos óculos sem procedimentos de importação regulares. A pena para o crime de importação desse tipo de medicamento, que é considerado hediondo, pode chegar até 15 anos de prisão.

Assista aqui.

Acompanhe as notícias da PRF no Paraná através do Facebook | Twitter | YouTube | WhatsApp | Flickr

Texto: Maciel Jr / Agência PRF
(Reprodução autorizada mediante citação da Agência PRF)