PRF apreende quase 28 mil comprimidos de remédios e mais de 150 mil reais em eletrônicos

Os produtos eram transportados ilegalmente sem o respectivo documento fiscal.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu diversos medicamentos e eletrônicos transportados sem nota fiscal transportados ilegalmente em ônibus de transporte de passageiros. O fato foi registrado na tarde de sexta-feira, 24, no km 245.0 da BR 153, no município de Colinas Do Tocantins/TO.

Na oportunidade, a equipe da PRF abordou ônibus que vinha de Goiânia/GO com destino Imperatriz/MA, sendo que durante vistoria no bagageiro inferior do veículo foi observada a presença de vários pacotes enviados como encomenda. Ao ser questionado sobre os documentos fiscais de tais produtos, os condutores do veículo informaram não possuírem os mesmos, apenas alegando que receberam as mercadorias como encomenda e que as entregaria em Araguaína para as pessoas indicadas pelo remetente.

Como os condutores não sabia informar o conteúdo das caixas, foi necessário vistoriá-las. Entre os objetos encontrados, foram contabilizados 27820 comprimidos de medicamentos, dentre eles substâncias de controle especial, como Ivermectina e medicamentos tarja preta, totalizando cerca de 25 mil reais em medicamentos.

Além disso, também foram apreendidos 54 celulares das marcas iPhone e Xiaomi totalizando cerca de 150 mil em produtos.

Os dois motoristas do ônibus foram detidos e encaminhados para Delegacia da Polícia Federal em Araguaína como suspeitos de praticar os crimes de descaminho e transporte de mercadoria sem documento fiscal.

A vigilância sanitária foi acionada para aferir a originalidade dos medicamentos.