PRF desenvolve projeto para testar os simuladores de direção no RS

Na última semana, a PRF iniciou testes com realidade virtual em um simulador de direção, em Porto Alegre. O projeto faz parte do programa de Mestrado do PRF Rafael Pereira, Chefe do o Núcleo Regional de Prevenção de Acidentes (NRPA) da Superintendência Regional da PRF no Rio Grande do Sul, em uma parceria com o LASTRAN (Laboratório de Sistemas de Transportes) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS.

Estão sendo analisados os desempenhos de policiais e não policiais de ambos os sexos. Eles participam de um teste em uma pista montada de forma exclusiva, onde pode ser verificada a velocidade do veículo, a distância de bordo lateral e o tempo de reação a eventos externos, entre outras variáveis. Neste estudo, o principal objetivo é mensurar a distração causada por mensagens de texto recebidas no telefone celular durante a condução de veículos.

Por se tratar de ambiente controlado e seguro, é possível avaliar o impacto de diferentes configurações de projetos, tipos e mecânicas dos veículos, iluminação, volume de tráfego e imprevistos que podem ocorrer na rodovia.

“Os resultados serão computados e analisados durante o desenvolvimento de minha dissertação de mestrado”, afirmou Pereira, e poderão ser aproveitados para desenvolver trabalhos preventivos no âmbito da PRF.