PRF detém dois homens por uso de documento falso

Em um dos casos, o envolvido foi o responsável pelo assassinato de um empresário ocorrido em 2010

 

Ontem, 5, a Polícia Rodoviária Federal deteve dois homens que apresentaram documentos falsos durante fiscalizações em rodovias federais cearenses.

O primeiro flagrante ocorreu no km 14 da BR-116, em Fortaleza, quando, durante abordagem, o condutor de um veículo Toyota Corolla apresentou documento de identidade em nome de Francisco Batista Lima. Porém, durante entrevista, o motorista entrou em contradição diversas vezes, levantando a suspeita dos policiais.

Realizada consulta aos sistemas de segurança pública, foi constatado que o documento de identidade apresentado pertencia a outra pessoa, tendo o motorista cometido o crime de uso de documento falso. Diante disso, o envolvido foi encaminhado à Superintendência da Polícia Federal, onde sua verdadeira identidade foi revelada e constatado que havia três mandados judiciais, dois por homicídio e um por tráfico de drogas, em seu desfavor. Entre os crimes, está o assassinato do empresário Thacio Olivier Evangelista, ocorrido em 2010. Diante do fato, o indivíduo ficou à disposição da Polícia Federal, para o cumprimento das providências cabíveis.

Já em Caucaia/CE, no km 406 da BR-020, por volta das 11h30, policiais rodoviários federais deram ordem de parada a um veículo Honda/ Bros, placa do CE, e durante a fiscalização constataram que o veículo abordado era um clone com registro de roubo/ furto e que o CRLV apresentado era falsificado.

Diante da situação, o indivíduo afirmou que havia comprado a motocicleta em agosto de 2019  numa feira em Fortaleza. Ele foi encaminhado à Polícia Federal para as providências cabíveis.