PRF encerrou nesse domingo a operação Corpus Christi 2018

Feriado atípico marcado pelo monitoramento das rodovias federais devido as manifestações ocorridas nos últimos dias

A Operação Corpus Christi 2018 teve início na quarta-feira (30/5) e se encerrou às 23h59 de domingo (3/6). A operação foi dirigida para garantir a manutenção da fluidez do trânsito e na desmobilização das manifestações dos caminhoneiros que ocorreram nos últimos dias nas rodovias federais que cortam o DF e o entorno.

Na quarta-feira, dia 30/05, a PRF DF encerrou pacificamente todas as aglomerações de caminhoneiros que ocupavam as áreas próximas das rodovias federais do DF e entorno. A última rodovia totalmente desmobilizada, sem manifestantes, foi a BR 080 por volta das 17h da quarta-feira. Ao mesmo tempo em que realizava as desocupações, a PRF também realizava várias escoltas dos caminhoneiros que não queriam mais permanecer nas manifestações, garantindo com segurança a livre circulação de todos que quisessem sair das manifestações e estavam sendo coagidos a ficar.

Além disso, ocorreram outras manifestações realizadas por moradores de regiões próximas as BRs, onde foram marcadas por bloqueios totais das rodovias com pneus em chamas e por violência aos policiais que chegavam para negociar a liberação da rodovia, jogando pedras e cacos de vidros contra os PRFs e PM/GO. Essas manifestações duravam por volta de uma hora e logo eram desfeitas. Ocorreram na BR 040 – dia 30/05 por volta das 18h e na BR 070, no dia 31 por volta das 16h e no dia primeiro por volta das 07h.

Nos cinco dias de Operação, a PRF manteve o monitoramento das rodovias para que não ocorressem novos pontos de manifestações, garantindo assim uma resposta rápida para qualquer início de aglomeração e mantendo a fluidez dos veículos que transitavam nas rodovias.

O número de acidentes comparado ao ano passado diminuiu, porém a gravidade deles resultaram em mais fatalidades. No ano passado foram registrados ao todo 35 acidentes, com 42 feridos e 1 óbito. Nesse ano foram registrados ao todo 19, com 28 feridos e 4 óbitos.

Com resultados ainda preliminares, podendo haver pequena variação nos números, a PRF registrou 539 autos de infração, sendo 321 por excesso de velocidade. Muitos motoristas foram flagrados com excesso acima de 50% da velocidade permitida, o que implicará na suspensão da carteira de habilitação desses condutores.

Não há comparativo com o feriado do ano passado pois esse ano foi marcado pelo monitoramento, escoltas e liberações das rodovias federais que cortam o DF e o entorno, e na medida do possível, foram realizadas fiscalizações de trânsito, visando assim garantir a livre circulação de todos nas BRs.

* Corpus Christi 2018 (30/5 a 03/6):
– Fiscalização de Pessoas: 1110
– Fiscalização de Veículos: 1060
– Pessoas Detidas: 14
– Veículos Apreendidos: 4
– Atuação em Interdições da Rodovia: 14
– Escoltas/apoio: 8

*Corpus Christi 2017 (14/6 a 18/6):
– Fiscalização de Pessoas: 1924
– Fiscalização de Veículos: 1613
– Pessoas Detidas: 16
– Veículos Apreendidos: 1
– Atuação em Interdições da Rodovia: 0
– Escolta/Apoio: 2