PRF participa da 122º Reunião do grupo da Operação Integrada Comércio Legal na capital baiana

O evento foi capitaneado pela Câmara de Dirigentes Lojistas e reuniu representantes de diversas instituições que atuam de forma integrada no combate às ações ilegais praticadas no comércio de Salvador e do estado da Bahia.

A Superintendência da Polícia Rodoviária Federal na Bahia, através do seu Superintendente Executivo, inspetor José Machado Ramalho Junior, representando o Superintendente, o inspetor Virgílio de Paula Tourinho, participou na manhã de hoje (10) da reunião do grupo que compõe a Operação Integrada Comércio Legal, realizado no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Salvador (BA), através do Coordenador do Conselho do Comércio da CDL, Haroldo Dias Núñez, e seu Superintendente, Silvio Luiz de Azambuja Corrêa.

A reunião, coordenada pelo Ministério Público do Estado da Bahia, contou com a presença de diversas instituições além da PRF, como a Receita Federal, Polícias Civil, Militar e Rodoviária Estadual, Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon), Coordenadoria de Proteção e Defesa do Consumidor (Codecon), Procuradoria do Estado, Vigilância Sanitária, Prefeitura Municipal, Secretaria de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) e Secretaria Municipal da Ordem Pública (Semop), Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba), Coordenação de Operação e Segurança da OI, órgãos e entidades que atuam de forma integrada no combate às ilegalidades praticadas no comércio.

Em sua apresentação, o Superintendente Executivo ressaltou a importância do trabalho integrado e das ações da PRF no estado da Bahia que repercutem no comércio, como o combate ao contrabando e descaminho, as grandes apreensões de mercadorias falsificadas ou sem nota fiscal, recuperação de veículos, combate ao roubo de carga e veículos de transportes de passageiros, os investimentos em tecnologia e equipamentos para tornar as fiscalizações mais eficientes, bem como a importância das ações de prevenção e educativas para reduzir os acidentes de trânsito, que trazem impactos significativos para a economia, previdência e repercutem nas relações de comércio.

A reunião também objetivou a passagem da coordenação cíclica que a partir de hoje (10) ficará a cargo da Secretaria de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur).

O evento possibilitou mais um momento para a troca de experiências e reforço do compromisso das instituições em continuar com as ações conjuntas no combate à criminalidade, principalmente no âmbito do comércio ilegal, cada vez mais forte e eficiente.

PRF, inovação em segurança pública a serviço do Brasil.