PRF participa da Comissão de Agricultura e Reforma Agrária do Senado Federal

A Audiência Pública debateu o contrabando de defensivos agrícolas no Brasil; a Polícia Rodoviária Federal apresentou o seu trabalho no enfrentamento ao contrabando de agrotóxicos

 

Nesta quarta-feira (28), no Anexo II do Plenário 7 – Senado Federal – em Brasília/DF, a Polícia Rodoviária Federal participou da  Audiência Pública para tratar do contrabando de defensivos agrícolas no Brasil. O debate ocorreu na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária do Senado Federal.

No evento, foi tratado da destinação e quais as medidas podem ser tomadas para atuar de forma eficaz na proteção da economia e da saúde humana em relação a esses produtos. Entre os objetivos da audiência, está mostrar à sociedade quais as ações vem sendo realizadas pelos órgãos de enfrentamento ao crime de contrabando de defensivos agrícolas.

O Superintendente da PRF no Mato Grosso do Sul, Luís Alexandre, durante sua apresentação, explanou sobre o trabalho que a PRF vem realizando no enfrentamento ao contrabando de agrotóxicos. Os dados mostram que, mesmo com a falta de efetivo policial, há um aumento no número de apreensões por parte da PRF de produtos contrabandeados, entre eles, defensivos agrícolas. O gestor apontou também a importância da ação integrada entre agências, a exemplo da PRF, Polícia Federal, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – MAPA e Receita Federal no combate aos crimes transfronteiriços.

Além da PRF, estiveram presentes na audiência representantes; Agência Brasileira de Inteligência – Abin; Polícia Federal; Policia Rodoviária Federal; Instituto de Desenvolvimento Econômico e Social de Fronteiras – Idesf; do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – Mapa  Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Vegetal – Sindiveg, assim como os Senadores Soraya Thronicke e Luiz Carlos Heinze.