PRF prende homem após evadir-se de fiscalização e causar acidente de trânsito na BR-101

Após ordem de parada dos policiais o condutor evadiu-se do local e colidiu frontalmente com outros dois veículos.

Na noite desta quinta-feira (30), policiais rodoviários federais fiscalizavam na BR-101, em frente à Unidade Operacional da PRF em Serra/ES, no km 250, quando deram ordem de parada ao veículo FIAT/STRADA, conduzido por um homem que acelerou com o veículo em cima dos policiais, iniciando fuga em alta velocidade pelo acostamento da rodovia.

Os agentes iniciaram o acompanhamento tático ao veículo, momento em que cerca de 01 (um) quilômetro à frente, após efetuar ultrapassagem em local proibido (faixa contínua), o mesmo veio a colidir com outros dois veículos, um Fiat/Uno com dois adultos e duas crianças e um Renault/sandeiro com dois adultos.

As equipes realizaram os primeiros atendimentos e acionaram a ambulância da concessionária ECO101, que, chegando ao local, constatou 04 (quatro) adultos em estado grave, além do condutor do veículo que havia evadido. As vítimas e o autor foram encaminhados para o Hospital Jaime dos Santos Neves, na Serra/ES. Foi realizado teste de etilômetro no condutor da FIAT/Strada que se evadiu, sendo o resultado negativo para o consumo de bebida alcoólica.

Indagado, o condutor que tentou fugir informou que não sabia o porquê de ter se evadido das equipes e, devido ao acidente, apresentava sinais de confusão mental. Após realizar consultas aos sistemas disponíveis e constatado que o mesmo é inabilitado verificou-se que o homem está com alvará de soltura, expedido pela 2.ª Vara de Mimoso do Sul por envolvimento com quadrilha de roubo a carga no Espírito Santo.

Ao consultar sua documentação pessoal nos sistemas operacionais, constatou-se que o autor que tem mais de 50 anos de idade, cadastrou seu CPF apenas em 2017. Quanto ao registro de identidade, o mesmo foi cadastrado no estado de Sergipe, o que levanta suspeição sobre as informações inseridas nos documentos, que deverão ser apuradas pela polícia judiciária. No interior do veículo foram encontrados 03 (três) celulares, R$ 400,00 reais em espécie e um cheque no valor de R$2.500,00 reais, do Banco Bradesco sem assinatura do titular.

Diante dessa situação, após o autor ser atendido e liberado pelo médico de plantão, o mesmo foi encaminhado, com lesões médias decorrentes do acidente, para a Delegacia de Polícia Civil de Serra/ES, para a tomada dos demais procedimentos legais cabíveis.