PRF recupera 5 semirreboques adulterados em menos de quatro horas no Ceará

Um dos semirreboques tinha cinco restrições judiciais e estava com licenciamento vencido desde 2014

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recuperou quatro semirreboques no final da tarde desta quinta-feira (6), em Chorozinho (CE) e São Gonçalo do Amarante (CE). Os veículo stinha marcas de adulteração dos sinais identificadores veiculares.

Fraude processual

Por volta das 17h de ontem, no quilômetro 60 da BR-222, em São Gonçalo do Amarante, agentes da PRF abordaram uma carreta Volvo, conduzida por um homem de 51 anos. Após fiscalização minuciosa, os policiais verificaram que o semirreboque – a parte onde a carga é levada em uma carreta – apresentava indícios de adulteração.

Observando as outras marcas de identificação do veículo, os policiais rodoviários federais conseguiram perceber que se tratava na realidade de um outro semirreboque com características semelhantes, sobre o qual incidiam várias restrições judiciais da Justiça do Trabalho, Tribunal Regional Federal da 5ª Região e Tribunal de Justiça do Ceará, tendo o veículo sido clonado com o objetivo de impedir sua apreensão pela justiça.

Diante dos fatos, o motorista foi detido pelo crime de fraude processual e a ocorrência foi encaminhada à Delegacia Metropolitana de Caucaia (CE).

Quatro semirreboques

Já no quilômetro 71 da BR-116, em Chorozinho, foram duas apreensões. Na primeira, por volta das 15h30, uma equipe da PRF abordou um caminhão cujo semirreboque era de marca aparente Randon. Após análise da documentação e dos identificadores do veículo, os policiais verificaram se tratar de um semirreboque da marca Noma. O caminhoneiro e o semirreboque adulterado foram encaminhados para a Polícia Civil de Chorozinho (CE).

Semirreboque apreendido às 15h30 à direita

No mesmo local, por volta das 18h30, a equipe da PRF abordou uma carreta Man TGX, com placas do Ceará, puxando três semirreboques aparentemente da marca Imperial. Ao fazerem a verificação, os policiais constataram que a marca dos veículos era, na verdade, Guerra. Neste caso, o motorista foi e os veículos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Horizonte (CE).