Santarém: último posto da PRF construído com madeira será substituído

Com o encerramento ontem de licitação com valor superior à quatro milhões de reais, tem-se decretado o fim do último posto da Polícia Rodoviária Federal no país construído com madeira.

O momento histórico é celebrado pelo Diretor-Geral da PRF, Renato Dias: “mesmo parecendo simples em primeira análise a licitação de apenas um posto, é um momento de muito orgulho e felicidade. Conheci esta unidade (Santarém) nos primeiros dias de minha gestão e, claro, conheci os problemas associados à este tipo de construção precária e, desde o dia da minha visita ao posto fiz a promessa que, se durante minha gestão tivesse oportunidade de construir apenas um posto, este posto seria a unidade de Santarém”.

Com um valor total de R$ 4.703.923,02, a licitação foi iniciada no dia 28 de dezembro de 2017 com a contratação de empresa para readequação de projeto executivo de engenharia e arquitetura para a construção da Unidade Operacional de Santarém, no Pará.

Com o fechamento desta etapa da licitação, a empresa contratada, escolhida entre 16 (dezesseis) participantes, terá 240 (duzentos e quarenta dias) até o término da obra da nova Delegacia e Unidade Operacional da Polícia Rodoviária Federal em Santarém, Pará.

Modelo de posto que deverá ser construído em Santarém, Pará.